Sexta, 20 de Maio de 2022
Esportes Série B

Em seu aniversário, Sport vence a Chapecoense e dorme na liderança da Série B

De falta, Luciano Juba foi o autor do gol da vitória do Sport.

13/05/2022 às 23h48
Por: Leonardo Soares
Compartilhe:
Em seu aniversário, Sport vence a Chapecoense e dorme na liderança da Série B

Para completar o dia de seu aniversário, nenhum presente de aniversário poderia ser melhor do que uma vitória do Sport - e ela aconteceu. Com um belo gol de falta de Luciano Juba, o Leão venceu a Chapecoense, por 1 a 0, e conquistou os primeiros três pontos fora de casa, na atual edição da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o triunfo, a equipe rubro-negra conseguiu chegar na liderança da competição e aguarda o complemento da rodada para saber se vai permanecer no topo da tabela.

O JOGO
 
Apesar da festa fora de campo devido ao aniversário, dentro das quatro linhas estava em jogo a vaga dentro do G4, já que uma vitória da Chapecoense tiraria o Sport do grupo que dará o acesso à Série A. Mesmo sem aplicar uma pressão muito forte, os catarinenses conseguiram ser superiores aos pernambucanos e as primeiras chances de gols foram criadas pelos donos da casa.
 
Porém, foi o Leão quem comemorou o primeiro gol. Em uma cobrança de falta no lado esquerdo da grande área, Luciano Juba finalizou pelo lado da barreira, matando qualquer chance de defesa do goleiro Vagner, abrindo o placar na Arena Condá.
 
Com o 1 a 0 no placar, o ataque pouco produtivo do Sport diminuiu ainda mais a sua criatividade ofensiva e chamou a Chapecoense para pressionar mais na busca pelo empate. Até o encerramento da primeira etapa, os donos da casa tiveram várias oportunidades com uma delas chegando a explodir na trave do goleiro Mailson, impedindo a mudança no placar.
SEGUNDO TEMPO
 
Nos primeiros minutos da primeira etapa, o Sport conseguiu corrigir, talvez, o principal erro da equipe na primeira metade da partida e conseguiu manter a posse de bola no setor ofensivo por mais tempo, evitando uma maior exposição do sistema defensivo, principalmente da dupla de volantes.
 
Com a proximidade do final da partida, a equipe comandada pelo técnico Gilmar Dal Pozzo passou a jogar com o “placar de baixo do braço” e passou a priorizar o sistema defensivo, explorando os erros apresentados pela Chape em rápidos contra-ataques.
 
O Sport até conseguiu criar uma ótima oportunidade de ampliar o placar. Após erro do sistema defensivo da Chape, Luciano Juba recebeu na ala esquerda e cruzou, na medida, para Kayke receber dentro da pequena área e chutar por cima do gol. A pressão em cima do centroavante só não foi maior, porque o gol não fez falta e o Leão saiu vitorioso.
 
FICHA DA PARTIDA
 
CHAPECOENSE
Vagner; Ronei, Léo, Xandão, Fernando; Betinho, Matheus Bianqui, Lima (Derek); Orejuela (Chrystian), Rodrigo Varanda (Jhonatan) e Maranhão (Claudinho). Técnico: Fabiano Xha.
 
SPORT
Mailson; Ewerthon, Rafael Thyere, Sabino, Lucas Hernández (Chico); William Oliveira, Bruno Matias, Everton Felipe (Thiago Lopes); Jáderson (Giovanni), Luciano Juba (Ray Vanegas) e Búfalo (Kayke). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.
 
Local: Arena Condá, Chapecó-SC
Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro.
Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Tiago Gomes da Silva.
Gol: Luciano Juba (12’/1ºT) (Sport).
Cartões amarelos: Everton Felipe (Sport).
Público: 3.402 torcedores 
Renda: R$ 78.355,00
Ele1 - Criar site de notícias