Unicef
Terra Querida
Últimos reforços!

Apresentados, Zeca e Juninho garantem luta sadia por titularidade

Dupla briga por vaga na lateral esquerda do tricolor

Esporte

Esportenoticias e informações do esporte

21/01/2020 08h00Atualizado há 1 mês
Por: Leonardo Soares
Fonte: Correio da Bahia
56

Internacional e Grêmio têm uma das rivalidades mais tensas do futebol. Colorados e gremistas são adversários ferrenhos. Últimos reforços confirmados pelo Bahia, Zeca e Juninho Capixaba vão disputar um Gre-Nal para saber quem fica com a vaga na lateral esquerda. Isso porque os dois atletas vieram justamente da dupla gaúcha.

Prata da casa do Bahia, Juninho Capixaba passou pelo Corinthians antes de desembarcar em Porto Alegre. Foram duas temporadas no Imortal, com 35 jogos disputados e três gols marcados. Só que o canhoto de 22 anos terminou a última temporada em baixa, o que viabilizou seu empréstimo para o Bahia.

"Me sinto lisonjeado em voltar para casa. Emoção grande ver o Bahia na situação que está. É um clube que qualquer jogador do Brasil e do mundo quer vestir a camisa. Muda a experiência, um pouco mais de rodagem. Passei por equipes grandes, fui campeão. Venho mais preparado para dar o meu melhor", disse o lateral em sua apresentação, que aconteceu nesta segunda-feira (20), no CT Evaristo de Macedo.

Tanto Zeca quanto Juninho têm características que atendem ao modelo de jogo que o técnico Roger Machado pretende implementar no Bahia a partir desta temporada. Chegada na linha de fundo, qualidade com a bola nos pés e ofensividade. Ou seja: o time que se notabilizou por jogar de forma reativa e apostando em contra-ataques agora quer aprender a ter mais a posse da bola e sufocar mais seus adversários.

A dupla chega ao tricolor ciente de que apenas um pode ocupar a posição na esquerda. Mas o discurso foi de um combate saudável, sempre visando o melhor para o clube.

"Aqui dentro somos praticamente família. É trabalhar o melhor para o clube e não uma briga individual entre a gente. Se mantiver isso até o final da temporada, vamos conquistar muitos triunfos. Vamos trabalhar para todos conquistarem os eu espaço", contou Juninho.

Cria do Santos, Zeca também chegou ao Rio Grande do Sul em 2018, só que para defender o lado vermelho de Porto Alegre. O campeão olímpico disputou 56 partidas pelo Internacional e chegou ao tricolor como parte do negócio que transferiu Moisés para o colorado.

Lateral esquerdo de origem, Zeca é destro e por isso afirma que também pode jogar na direita - setor que já tem Nino Paraíba e João Pedro.

"Não vai faltar garra, raça. Todo jogador quando chega no clube quer mostrar isso, se dedicar ao máximo. É um grupo experiente. Somos uma família, conversamos sobre isso. Têm jogadores experientes, que já ganharam títulos. E eu vou estar somando com eles para ganhar títulos", afirmou Zeca.

Pelo menos nos primeiros treinamentos, quem está no time titular de Roger Machado é Zeca. A tendência é que o atleta de 25 anos seja o dono da camisa 6 no jogo que marca a estreia do time principal do tricolor na temporada, contra o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste. O jogo acontece no próximo sábado(25), no estádio do Arruda, às 16h.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.