Quinta, 03 de Dezembro de 2020
(89)981305731
Piauí VIOLÊNCIA

Um sábado de violência no Piauí com crimes diversos

.

25/10/2020 21h57 Atualizada há 1 mês
265
Por: Redação Fonte: 100noticias.com.br
Um sábado de violência no Piauí com crimes diversos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mulher mata marido

Na noite de ontem, Maria da Cruz Ferreira da Silva, de 36 anos, se apresentou na 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil, confessando que teria matado seu companheiro Manoel da Cruz do Nascimento com golpes de faca. 

O casal residia na cidade de Valença. 

Após a confissão, policiais se deslocaram até a residência do casal onde o corpo da vítima foi encontrado.

Maria da Cruz Ferreira da Silva está presa e hoje será ouvida pelo delegado regional Dr. Maycon Braga sobre a motivação do homicídio.

Pai mata filho

Francisco das Chagas Mathias Silva, foi preso ontem, suspeito de matar o próprio filho a facadas - um adolescente de 16 anos, por nome de Cristiano Sousa da Silva. O crime aconteceu após uma discussão no bairro Parque Wall Ferraz, na zona Norte de Teresina. 

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) está investigando o caso. 

A vítima foi atingida na região da virilha, perdeu muito sangue e morreu no local.

Francisco das Chagas foi preso em flagrante por uma equipe da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (ROCAM) e encaminhado à Central de Flagrantes de Teresina para os procedimentos cabíveis.

O motivo da briga entre pai e filho ainda é desconhecido.

Visinho mata idoso

Um idoso de 65 anos morreu após ser esfaqueado pelo vizinho na tarde de ontem no município de Pedro II, região norte do Piauí. A policia revelou apenas as iniciais no nome da vítima:  T M T.

Segundo a Polícia Militar (PM), o idoso teria ateado fogo em um terreno. Às chamas atingiram a cerca da casa do vizinho, que incomodado foi até a casa do idoso e desferiu aproximadamente oito facadas na vítima.

Ainda de acordo com a PM, o idoso foi socorrido por uma equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o Hospital Josefina Getirana Neta, no município, onde foram realizados os primeiros socorros, mas não resistiu e morreu.

O suspeito de cometer o crime foi preso e conduzido por policiais para Delegacia de Polícia Civil para prestar depoimento.

Assaltantes matam deficiente

Dois tiros de revolver mataram Zé Neto, de 42 anos, residente na zona rural de José de Freitas num um imóvel de taipa coberto com palha de palmeira. O fato aconteceu ontem durante um assalto na residência praticado por três indivíduos. Na mesma casa moram, o pai da vítima “senhor Zezinho” e o irmão Luciano.

Zé Neto sofria de uma pequena deficiência mental e por ser especial recebia benefício do Governo Federal, fato que pode ter chamado atenção dos suspeitos. Ele era aluno da APAE de José de Freitas

De acordo com informações repassadas por policiais militares, os bandidos invadiram o imóvel com arma em punho e exigindo dinheiro dos moradores da casa, durante a ação um dos assaltantes ameaçou atirar no proprietário da residência, senhor Zezinho.

Zé Neto, então, entrou em defesa do pai e com um pedaço de madeira teria desferido um golpe em um dos assaltantes, que em seguida disparou duas vezes contra ele.

Ele1 - Criar site de notícias