Quinta, 17 de Junho de 2021
Esportes Série B

Vasco tem péssima atuação e perde para o Operário na estreia da Série B

Time paranaense não teve dificuldades para vencer o Cruzmaltino por 2 a 0 em São Januário

29/05/2021 15h26
23
Por: Leonardo Soares Fonte: O Dia
Vasco tem péssima atuação e perde para o Operário na estreia da Série B
Rio - A estreia na Série B mostrou ao torcedor Vasco que 2021 será um ano de fortes emoções. Na manhã deste domingo, o Vasco fez seu primeiro jogo na competição contra o Operário, em São Januário, e teve uma péssima atuação. O Cruzmaltino foi facilmente superado pelos paranaenses, que venceram com gols de Leandrinho e Ricardo Bueno.
O primeiro tempo foi de pânico para a torcida vascaína. O time de Marcelo Cabo se mostrou apático, pouco conseguiu criar e foi dominado a maior parte do tempo pelo Operário, que terminou a primeira etapa com mais finalizações. Foram 11 chutes do time paranaense, contra apenas quatro dos cariocas. Mais organizado em campo, os visitantes abriram o placar logo no começo. Após vacilo de Zeca, Felipe Garcia ficou com a bola e trabalhou com Ricardo Bueno, que encontrou Leandrinho livre para bater forte e abrir o placar logo aos seis minutos.
Ao longo de toda primeira etapa, chamou atenção a quantidade de erros individuais do time vascaíno. Além do erro de Zeca no primeiro gol, houve erros de passes bobos, que por sorte não foram aproveitados pelo Operário. Além disso, o Vasco encontrava dificuldade para chegar ao ataque e praticamente não ameaçou o gol adversário.
Com uma atuação correta e contando com os inúmeros erros de seu adversário, o segundo gol do Operário era inevitável. Aos 42, a defesa voltou a errar. Jean Carlo aproveitou e serviu Ricardo Bueno, que invadiu a área e tocou com categoria para o fundo do gol. O 2 a 0 no placar do primeiro tempo acabou ficando barato para o time de Marcelo Cabo.
Na volta dos vestiários, o Operário mostrou logo de cara que a história do primeiro tempo tinha tudo para ser repetida no segundo. Logo aos 4 minutos, Rafael Chorão dominou pelo meio, teve espaço e bateu colocado, mas a bola bateu caprichosamente na trave e por pouco o time paranaense não eumentou sua vantagem.
Após o susto inicial, os dois times adotaram posturas diferentes. O Operário passou a administrar a vantagem no placar e diminuiu seu ritmo. O Vasco, por sua vez, voltou atuando de forma mais intensa após as entradas de Léo Jabá, Sarrafiore e Daniel Amorim no intervalo, mas ainda não tinha forças para ameaçar o adversário. A única chance que levou perigo veio com Gabriel Pec, que recebeu na entrada da área e bateu no campo, mas Simão espalmou.
Ele1 - Criar site de notícias