Sexta, 20 de Maio de 2022
Piauí Piauí

Coronavac deve ser incluída no Plano Nacional de Imunização para acelerar vacinação de 6 a 17 anos

O esquema vacinal para crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, com o uso da CoronaVac, foi liberado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), na quinta (20)

21/01/2022 às 15h53 Atualizada em 21/01/2022 às 16h27
Por: Redação Fonte: Secom Piauí
Compartilhe:

O governador e coordenador do Fórum Nacional dos Governadores, Wellington Dias, anunciou que foi feito um pedido, por meio do Fórum dos Governadores do Brasil, para que a vacina Coronavac seja incluída no Plano Nacional de Imunização para ampliação de vacinação de crianças e adolescentes de 6 a 17 anos.

“Pelo Fórum dos Governadores do Brasil, nós encaminhamos ofício ao Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga; e para o Ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira; solicitando a ampliação do uso da Coronavac. Tratamos também com o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruze, e ele nos informou que hoje estará colocando no Plano Nacional da Imunização a vacina Coronavac que significa a compra do imunizante para a aplicação em todo o Brasil”, explicou o governador Wellington Dias.

O esquema vacinal para crianças e adolescentes de 6 a 17 anos foi liberado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), nessa quinta-feira (20). A Coronavac já é usada em outros países em crianças de diferentes faixas etárias. O imunizante será utilizado na faixa etária de 6 a 17 anos. Crianças imunodeprimidas deverão receber doses da Pfizer.

“O objetivo é que tenhamos tanto o uso da Pfizer como da Coronavac para essa faixa abaixo de 18 anos em todo o Brasil garantindo a imunização mais acelerada, também, de crianças e adolescentes”, enfatizou Dias.

Ele1 - Criar site de notícias